OLÁ HACKER!

SE VOCÊ ENTROU AQUI, ESTÁ PRESTES A CONHECER UM SITE NOVO PARA A FOURGE

MAS ANTES DE TE MOSTRARMOS O SITE NOVO, QUEREMOS EXPLICAR A NOSSA CRIAÇÃO

POR QUE MUDAR O SITE?

Atire a primeira pedra quem nunca ouviu

"o site da Fourge é muito legal, mas não entendi nada... o que vocês fazem?"

 

Isso é um indicativo, né? 

 

Estamos vivendo um momento estratégico onde nos vemos na necessidade de ter mais escala, atingir mais gente, queremos que mais gente nos ouça. Para isso, precisamos que nossos canais de comunicação aproximem, não afastem. Nossas redes sociais já deram esse passo, e chegou a hora do nosso site também se reinventar!

nada.

O site traz muitas frases de impacto,  que fazem muito sentido. Mas pensando na jornada de um usuário, não trazem resolutividade. Não o levam a querer nos puxar pra um papo. Shifts e Hacking estão conectados com alguma grande entrega? Estão conectados entre si? O que eles são?

 

Então, o site foi reprojetado com o objetivo de explicar o que a Fourge faz para gerar o desejo de conversar conosco (seja para nos contratar, para nos ouvir mais de perto, para pedir nossa opinião).

COMO MUDAR NOSSO SITE?

definindo premissas para a mudança

#1

ESTÉTICA

sabíamos que o site da Fourge deveria estar mais alinhado com uma identidade que vem se construindo. Nas nossas mídias temos usado muito o laranja, branco, cinza (claro e escuro) e o rosa (em escala) e queríamos levar essa mesma cara para nosso site. Além disso, queríamos manter uma coerência visual entre as mídias, em termos de fontes, estilo das imagens e forma de diálogo. Ainda, tínhamos a certeza de que um site precisa ser bonito para conseguir engajar.

#2

NITIDEZ DO QUE FAZEMOS

quantas vezes já ficamos com dificuldade em explicar o que a Fourge faz? Quantas vezes usamos de uma linguagem complicada para explicar algo simples? Quantas vezes fugimos de uma fala de "somos uma consultoria" para não parecer tradicional? Pensando nisso e em outras dúvidas entendemos que o melhor para nosso site era tentar deixar o mais nítido possível o que podemos fazer para algum negócio sem perder a nossa essência. Entendemos que as pessoas estão em pontos de partidas muitas vezes diferentes do que esperamos e não são impactadas por uma fala que não conecta instantaneamente com dores do dia-a-dia. Pode ser que no fundo o que essa pessoa sinta seja diferente, mas para um primeiro contato nós precisamos ter algum tipo de conexão.

TRANSFORMAMOS MODELOS DE GESTÃO!

Partimos do pressuposto que a Fourge nasceu da necessidade de mudar a forma como as pessoas vivenciavam o seu dia-a-dia dentro das organizações; da mesma forma, as organizações precisam se organizar de novas formas para entregar valor ao mundo, de forma que os times realmente se conectem com essa causa. Essa forma diferente de conectar-se à sua essência e ao seu dia-a-dia se resume no que chamamos de sábado. 

Com nitidez do que precisa mudar no mundo, partimos para a pergunta: o que nós, Fourge, de fato nos propomos a fazer para mudar isso? A resposta: TRANSFORMAR O MODELO DE GESTÃO DAS ORGANIZAÇÕES! 

Nota importante: a discussão de comunicar ou não o fato de que SIM, nós TAMBÉM transformamos MODELOS DE NEGÓCIO foi muito frequente e profunda. Sabemos que nós somos também muito bons nisso (alguns até diriam que é o nosso principal foco). Optamos pela opção de, por hora, manter o foco na transformação de modelos de gestão, apoiados pela premissa de que será muito menos frequente a procura de pessoas que busquem transformar seu modelo de negócio. Temos consciência de que não há "ovo e galinha" aqui; podemos provocar a transformação de um ou de outro, independente de onde começa a história com o cliente. Acreditamos que a jornada será mais simples dessa forma - sem GRANDES perdas - e conseguiremos nos conectar mais facilmente com as pessoas.

Tá, fecha parênteses. Mas agora surge uma dúvida: o que é um modelo de gestão? Como definir um modelo de gestão? Existem definições? Acreditamos que não, ou pelo menos não deveriam existir. 

Mas acreditamos que é super importante tangibilizarmos um modelo de gestão para os que nos visitarem. Então, após usar resultados de diversas pesquisas e conversas que fizemos com o time, chegamos em um framework que traz 5 DIMENSÕES que podem compor um modelo de gestão. As práticas, atitudes, rituais e crenças dentro destas 5 dimensões moldam o modelo de gestão de cada organização - que sempre vai ser diferente!

E a partir daí, conseguimos conectar todos os pontos. Tudo que falamos - fluido, horizontal, propositivo, protagonismo, tecnologia como base, etc - tá tudo aí dentro! E o mais legal: hacking e shifts ficam muito mais simples agora. Pois no hacking, nos propomos a transformar modelos de gestão de forma integral - atuando nas 5 dimensões! Já nos shifts, focamos em uma dimensão específica.

 

AAAAAHH é simples assim???? Sim :) 

ENTENDIII QUERO VER O SITE LOGOOO

Calma aí, falta bem pouquinho :)

MAS AFINAL, O QUE FAZEMOS?

#3

A LINHA LÓGICA DEVE SER UM PITCH

para que o impacto seja rápido e gere curiosidade nas pessoas, devemos seguir um caminho comum aos pitchs de negócios. Começamos explicando o porquê de existirmos, seguimos explicando os "o que" que fazemos e por fim explicamos os "comos". Nesse meio de caminho, sabemos que o "porquê" é aberto a um espaço de idealismo, o "o que" deve ser um equilíbrio entre idealismo e pragmatismo e o "como" deve ser pragmático.

#4

PRODUTOS DE PRATELEIRA MUTÁVEIS

na página de shifts precisávamos deixar claro que existe uma linha de construção desse produto mas que existe também uma sequência de produtos que são de prateleira e resolvem problemas específicos de uma organização. Precisávamos passar uma mensagem, portanto, de que ao escolher um produto de prateleira a experiência ainda poderia ser adaptada para cada situação.

#5

REFERÊNCIAS ESTÉTICAS

tentamos não criar nada do zero mas sim nos aproximarmos de estéticas que são bonitas e têm uma mesma pegada que procurávamos para o site. Para cada parte, buscamos pegar elementos que combinassem com a nossa lógica, desde o intervalo entre faixas coloridas e em p/b até o uso de imagens no fundo.

AGORA SIM!

TUDO PRONTO PRA IR PRO SITE NOVO?