top of page

Retrospectiva 2022: os 10 conteúdos mais lidos do ano

De diversidade e inclusão nos negócios até uma viagem cheia de perrengues, mas também lições de planejamento, vem com a gente relembrar o que foi destaque ao longo do ano



Se pra ti, assim como pra nós, fim de ano é sinônimo de retrospectiva, a gente não podia ficar de fora desse momento, né?


Ao longo de 2022, trouxemos ao nosso blog inúmeros temas fundamentais para as pessoas e os negócios, sempre recheados de dados, mas também de muitas vivências da nossa equipe de hackers e das pessoas que são nossos clientes. Aliás, um dos assuntos que a galera mais curtiu por aqui tem tudo a ver com transformar o conhecimento em prática para promover a transformação cultural dos negócios.


Mas não foi só de cultura empresarial que a gente falou, não. Nossa retrô está cheia de assuntos que podem trazer insights para começar 2023 de um jeito diferente - seja na carreira, seja nos negócios.


Dale ler com a gente? Depois nos conte qual conteúdo tu mais curtiu.





Nesse conteúdo abordamos como a soma de conceitos, rituais e símbolos permite tirar do papel a mudança que muitas lideranças anseiam, mas que ainda representa um desafio para os negócios.




A habilidade de aprender com o futuro é muito valorizada em todos os setores. Mas só prever não basta: é fundamental ser ativo e construir o futuro que nós queremos. Dá pra saber como neste conteúdo.




267 anos. É esse o tempo que vai levar para que as mulheres alcancem o mesmo ganho salarial dos homens no mundo. Neste texto a gente te mostra caminhos para diminuir esse longooo período - algo, aliás, pra ser feito com urgência.




Ah, os perrengues da vida que nos ensinam tanto… Uma viagem insana e cheia de percalços que a Rebeca e o Luciano fizeram - e que a gente detalhou neste conteúdo - rendeu várias lições sobre planejamento que podem ser aplicadas aí no teu negócio.




No Dia Nacional da Visibilidade de Pessoas Transexuais e Travestis, em janeiro, trouxemos algumas dicas para fazer com que os negócios se tornem mais diversos e inclusivos não só com essa população, mas de forma geral. Spoiler: a primeira delas é querer.




Neste artigo autoral o Luciano nos conta porque inovar não depende só de tecnologia, mas principalmente das pessoas. Afinal, pra criar algo, precisamos de habilidades e capacidades que são de gente.




Neste especial publicado no Dia Mundial da Saúde, em abril, detalhamos com números como o uso da tecnologia no setor aumentou durante a pandemia da Covid-19 e porque esse fenômeno não levou à real e esperada transformação dos negócios.




Neste conteúdo trazemos dados sobre esse modelo que pode resolver até 90% das necessidades de saúde de uma pessoa ao longo da vida, além de dar dicas de possíveis negócios que podem ser criados com base nele.




Neste texto abordamos como a retomada do trabalho presencial após dois anos de pandemia pode fazer com que negócios percam talentos se não houver espaço para o diálogo e uma mudança do ambiente.




Observar a interação entre as pessoas e atuar ativamente sobre elas são pontos fundamentais para transformar as relações e engajar as pessoas do time para um novo modelo de gestão. É disso que falamos neste conteúdo.



Descrição da imagem: card único em tom de rosa traz imagem em preto e branco de um executivo de terno e gravata com uma TV no lugar da cabeça. A tela está quebrada e, em cima dela, há um outro mini executivo apontando na direção da tela. Em destaque, o texto “Retrospectiva blog da FOURGE 2022: conheça agora os 10 posts mais lidos deste ano”.



Quer saber mais sobre como podemos ajudar teu negócio a se transformar em 2023? Então fale com a gente!






bottom of page